19 de nov de 2012

A origem da “Porra”



A palavra porra, originada de porro (certa espécie de vegetal silvestre), tem vários significados, embora prevaleça mais acentuadamente aquele relacionado a palavrões, que é sinônimo de porcaria ou merda. Designa, também, um pedaço de pau, o esperma e o pênis. Nos documentos antigos da Sé de Lamego e de São Bartolomeu de Coimbra não possuía nenhuma conotação obscena, significando o cetro, a maça ou insígnia, objetos muitos comuns que servem de ornamentos nas procissões de mosteiros e catedrais. Em um de seus poemas, que lhe justifica o apelido de “boca do inferno”, Gregório de Matos,  combina a palavra alho (porro é designativo de certa espécie de alho silvestre) com sal e cal, formando os clássicos palavrões: porra e caralho:

Sal, cal, e alho
caiam no teu maldito caralho. Amém.
O fogo de Sodoma e de Gomorra
em cinza te reduzam essa porra. Amém
Tudo em fogo arda,
Tu, e teus filhos, e o Capitão da Guarda.


---
É isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário