6 de out de 2015

A origem e o significado de Adjetivo

Segundo alguns o termo adjetivo, do latim adjectivum nomen, vem de ad e juxta: junto a; outros afirmam originar-se de ad e jungere: juntado a; há os que dizem ser oriundo de ad e jaceo, es, jacere: estar deitado junto a; e, por último, há aqueles que o faz originar de ad e jacio, is, jacere: jogar, lançar, arremessar. Na gramática diz-se da palavra que  se ajunta a um substantivo para descrever-lhe uma ou mais qualidades. Por exemplo: homem bom, mulher bonita, menino inteligente, garota travessa, chá quente etc.

Exemplos de uso:
Nas duas ou três moléstias que o pequeno teve, a aflição de D. Carmo foi enorme. Uso o próprio adjetivo que ouvi ao Campos, conquanto me pareça enfático, e eu não amo a ênfase” (Machado de Assis: “Memorial de Aires”). / “E as virtudes do doutor Godinho voltavam, em passo de procissão, solenes e sublimadas, arrastando caudas de adjetivos nobres” (Eça de Qieirós: “O Crime do Padre Amaro”).  / “Se o leitor ainda se lembra do capítulo XXIII, observará que é agora a segunda vez que eu comparo a vida a um enxurro; mas também há de reparar que desta vez acrescento-lhe um adjetivo — perpétuo” (Machado de Assis: “Memórias Póstumas de Brás Cubas”).

É isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário