12 de nov de 2012

Acerca dos “Anéis do Papa”



Para quem não sabe, os papas usam três anéis. O primeiro é, geralmente, de ouro com algum camafeu ou pedra talhada: este é o anel papal. O segundo é o anel pontifical, e chama-se assim porque só se usa quando o papa oficia como Pontífice nas grandes cerimônias. O que usava Pio IX havia sido feito no tempo de Pio VII, cujo nome se via gravado no interior. Era de ouro puríssimo e fruto de verdadeira obra de arte. Adornava-o um diamante magnífico e que, à época, custou próximo a trinta contos de réis. Tem um mecanismo pelo qual se alarga ou se aperta a fim de que seja amoldado a dedo do Pontífice que o usa. O terceiro é o anel do pescador, e chama-se assim por ter uma figura de São Pedro na barca deitando a rede ao mar. É um anel de ouro, com o nome do papa reinante gravado no aro, do lado exterior, e por baixo da figura do apóstolo. É grande, pois pesa 52 gramas. Ao princípio era uma anel particular e não de uso oficial; porém, adquiriu este caráter desde o século XV, e agora é selo oficial dos papas e o principal dos três anéis. 

---
É isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário