21 de fev de 2012

O que é “Alienação"?


Etimologicamente, a palavra alienação tem origem no latim alienare (alienus) e significa: que pertence a outrem (a um outro). Dentre outros sentidos, denota indiferentismo moral, político, social ou apenas intelectual. Por esta concepção, uma pessoa alienada é alguém que vive à margem da realidade e que se deixa manipular facilmente. Também apresenta o sentido de desarranjo das faculdades mentais. Em seu romance “O Missionário”, o escritor Inglês de Sousa toca no assunto ao descrever o estado mental de uma de suas personagens: “O calor ocasionado pelo afluxo do sangue ao rosto, o cansaço, a insônia forçada, o silêncio da noite e o cheiro sensual da floresta, trazido por uma brisa refrigerante, perturbando-lhe o cérebro desequilibrado, lançavam-no numa espécie de alienação mental, no puro subjetivismo dos mártires e dos loucos...”. Concernente a este sentido, há um conto famoso de Machado de Assis chamado “O Alienista”. Alienista é alguém que se especializou no tratamento dos alienados (doentes mentais).
São vários os sentidos atribuídos ao verbo alienar, por exemplo: tornar alheios determinados bens ou direitos, a título legítimo; indispor, malquistar; afastar, desviar; endoidecer, enlouquecer etc.

---
É isso!

Um comentário:

  1. Opa, me ajudou muito.
    Estava em busca de um site como esse.
    att; Cristiano Bodart
    http://www.cafecomsociologia.com/

    ResponderExcluir