8 de out de 2011

“Pequeno Dicionário dos Bichos"


É amplamente conhecida a influência dos bichos na cultura de um modo geral. Com as línguas isso não é diferente. No âmbito da linguagem os bichos fazem uma verdadeira festa, tornando os idiomas mais ricos e mais divertidos.

Os exemplos, a seguir, extraídos dos dicionários, servem como uma pequena mostra da importância dos animais em nosso legado linguístico. O próprio termo bicho, em si, já nos remete a determinadas características comportamentais que se atribuem ao ser humano. Entre outros sentidos, denota “uma pessoa intratável e solitária, alguém vulgar e de pouca conta”; diz-se também de “um estudante novato nas escolas e universidades, o calouro; na gíria, diz-se ainda de “um indivíduo muito versado em qualquer matéria”. Vejamos outros exemplos:


Abelha – Designa uma mulher astuciosa, dominadora e intrometida;

Galinha - Indica uma mulher que se entrega facilmente ao homem;
Hipopótamo - Denota um indivíduo corpulento, um brutamontes;
Cavalo - É a pessoa rude, de modos abrutalhados, um ignorante;
Cobra - Denota uma pessoa de má índole e maldosa, mas também se refere a um indivíduo perfeito em seu ofício, ou em sua arte;
Carrapato - Sugere um homem atarracado, uma pessoa importuna;
Cisne - Diz-se de poeta, orador ou músico célebre;
Gambá - Popularmente aponta para um indivíduo dado ao alcoolismo;
Jararaca - Qualifica a uma mulher má e geniosa;
Lince - Designa uma pessoa perspicaz e inteligente;
Onça - Simboliza uma pessoa muito feia, mas também denota uma pessoa destemida e valente;
Sapo - No popular aponta para um indivíduo que assiste a um jogo, sem nele tomar parte, ou alguém que comparece sem ser convidado, que fica ouvindo conversas alheias ou lendo alguma coisa por trás das pessoas;
Cururu – Na gíria denota um espectador;
Tamanduá - Exprime uma pessoa agarrada ao dinheiro; um sovina ou avaro;
Touro - Diz respeito a um homem muito robusto e fogoso; pejorativamente simboliza também o marido de uma mulher adúltera;
Vespa - Diz-se de um indivíduo intratável e mordaz;
Zebra - Refere-se a uma pessoa sem inteligência;
Frango - No futebol aponta para a falha do goleiro, a bola fácil de defender, que este deixa passar;
Peru - Denota o namorado ridículo, o indivíduo enfatuado, presumido, vaidoso;
Pavão – Simboliza o indivíduo excessivamente vaidoso;
Lesma - Na linguagem popular refere-se a uma pessoa indolente, mole e vagarosa;
Urubu - Representa o usuário que enriquece de maneira ilícita;
Gavião - Qualifica um indivíduo esperto e, também, o homem conquistador;
Raposa - Faz vir à mente a imagem de uma pessoa astuta, fina e sagaz;
Cabrita - Refere-se a uma mulata nova, a uma mulher no primórdio da adolescência;
Lagartixa - Remete a uma pessoa magra e feia, a uma mulher magra e de porte flexível;
Grilo - Aponta para algo confuso e complicado; também designa uma ideia fixa, uma obsessão;
Tubarão - É o homem rico;
Baleia - Pejorativamente remete a uma coisa e, especialmente, a uma pessoa de dimensões avultadas;
Traíra - Designa uma pessoa traidora, em quem não se pode depositar confiança;
Lobo - É o indivíduo cruel, de maus instintos e sanguinário;
Sanguessuga - Diz-se de uma pessoa que explora outra a pouco e pouco; um parasita da vida alheia;
Verme - Representa uma pessoa vil e desprezível;
Águia - Simboliza um homem de alto engenho ou de grande perspicácia; também uma pessoa atilada e astuta, um espertalhão;
Inseto - Denota uma pessoa insignificante, sem importância;
Mula - Popularmente aponta para uma que tem manhas nocivas;
Macaco - Figurativamente demonstra alguém que imita as ações dos outros;
Chimpanzé - Aponta para uma pessoa muito feia e desajeitada;
Veado - Pejorativamente remete ao indivíduo homossexual;
Morcego - Pode significar uma pessoa que somente sai de casa à noite, e também refere-se a alcunha de soldado de polícia;
Abutre - Simboliza um indivíduo cruel, sanguinário e sem escrúpulos;
Ovelha - Diz-se do fiel de uma igreja;
Bicha - No popular refere-se ao pederasta passivo;
Girafa - Demonstra uma pessoa de pescoço comprido;
Leão - Designa um homem valente e ousado, mas também um homem de mau gênio;
Porca - Indica uma mulher suja e desleixada;
Papagaio - Figurativamente diz-se uma pessoa que repete de memória o que ouve ou lê sem, entretanto, compreender;
Pato - Tem o sentido de idiota, parvo e tolo; também designa o mau jogador de jogo de azar;
Ganso – Além de denotar um homem de elevada estatura e de pescoço comprido, também denota o indivíduo dedo-duro, o delator;
Minhoca - Tem o sentido de crendices, superstições e manias.

---
É isso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário